Poesias, Varginha-Terra do ET, BRICS, Dicas, Frases e Reflexões...

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Meus Poemas - Pergunta sem resposta

Buzz Buzz it !
No princípio era apenas a palavra oca, estéril e vazia...
E um sopro inteligente fez dela um milagre 
e, dessa magia, surgiram as coisas e seus afins! 
E o Verbo-luz por ser divino viu que tudo era Bom.
Criou Ele em seguida um homem solitário 
e o colocou em seus jardins para desfrutar a vida.
Faltavam cores. Teve então uma grande idéia: 
Co-habitou n'Ele, em sua graça, o primeiro casal.
Aí, sei lá, alguma coisa aconteceu nos bastidores...

À Sua semelhança se diz que Ele nos fez falantes 
e nós, de outra geração quiçá desconhecida,
descobrimos-nos logo também criadores:
buscamos uma folha de parreira para enfeite!
Tudo se repete como no paraíso, até as reticências...
De meninos, crescemos e nos vem a companheira,
para ser amada, para nosso consolo... e deleite!
E na esteira dessas consequências aqui estamos,
ainda feito crianças sem entender quase nada...

Nos distinguimos dos animais, viramos adultos.
Queremos fazer história, a diferença, fazer amor.
Inauguramos estradas, inventamos leis, forçamos a barra,
mas nos esbarramos no corredor, sem memória.
Criamos empréstimos, cobranças, sentenças e indultos.
Construímos pódios, aperfeiçoamos o barbitúrico,
disseminamos a droga e nos enfeitamos com o lucro,
brincamos com o ácido sulfúrico e o bicarbonato de sódio.

Inventamos a família, assamos bolos, enfeitamos a sala,
recebemos os amigos, vemos TV, fazemos fofoca,
criamos as redes sociais, os amigos ideais... os virtuais!...
E (às escondidas) torcemos pelos heróis do bial no bbb.
Para nos garantir, aos inimigos enviamos os mísseis,
a injúria, a pena de morte e as armadilhas mortais.
Inventamos leis, estatutos, o Carnaval e a farra, 
mas quebramos a jarra, as regras e os protocolos.

Criamos o rosário, a reza e acendemos nossas velas,
para nos redimir diante dos tolos por nossas falcatruas.
Criamos o dinheiro para encher nossos bolsos
e a escravidão para manter as diferenças.
Se com medo fugimos rapidinho pro porão,
pintamos a cara, saímos à rua, agradando ao patrão.
Criamos crenças, a arte, o calabouço e a cela.
E ainda o céu e o inferno para poder negociar.
Pois não importa o teor - mas o valor da comissão.
Ah! E para mamar, criamos a política e a as tetas!

Trocamos o campo pela frenética vida da cidade.
Olhamos pro céu procurando o décimo planeta,
perdemos tempo inventando quimeras no porvir,
inventamos os mundos mentais, sereias, fadas!
A Ética, a Estética vieram pra nos confundir,
mas não estamos nem aí. Nem para a Genética,
nem mesmo pra tal Alegria ou Felicidade,
pois perdemos a Fé! Se é que a tivemos um dia...

Observamos estrelas enquanto pisamos a areia,
somos mesmos irresistíveis, impossíveis, invencíveis!
Lá no fundo sabemos o que é certo, o que é balela,
o que é fome de verdade e o que é bariga cheia!...
Mas é uma calamidade essa pergunta que não se cala:
por que não comer o fruto daquela árvore mais bela? 

Autor: Expedito Gonçalves Dias (Profex)
Escrito em 20-12-2012, em Varginha-MG às 12:00 h
fonte da imagem: google images
EM TEMPO

Quero deixar aqui um agradecimento à Gislaine Tavares Ozaki  do blog Viver em Harmonia- Terapias Alternativas pela indicação para este selo. Fica aberto aqui a opção para levar o selo para o seu blog e também para participar do meme. Para tanto dirija-se a esta página e veja as regras: 
http://viveremharmonia.dihitt.com.br/noticia/este-e-meu-meme-
Menina, ficam aqui meus sinceros agradecimentos por ter se lembrado deste blogueiro. Seu selo estará disponível também na página 8 deste blog.
Um grande abraço, Gislaine.
SOLIDARIEDADE:
Deixo abaixo a conta de um amigo do dihitt, o 'Fantasma' que passa por um momento delicado da sua vida. Sua história já é conhecida por nós que fazemos parte dessa grande comunidade de blogueiros. Ficou doente, desempregado e teve seu benefício suspenso do INSS e tem contas atrasadas. O caso é grave, tanto é que a direção do diHITT permitiu que se fizesse essa campanha na rede. E eu a trago para o blog.
Se quiser saber mais, acesse:
http://nemtudoquesevee.dihitt.com.br/noticia/preciso-de-ajuda-1 - este o apelo dele no blog do diHITT, com documentação, exames e providências já tomadas.
Espero que você que acompanha meus posts junte-se a nós neste momento.
Isrrael Gomes Silva
Caixa Econômica Federal - Agência: 154

Conta-poupança:152883-1

22 comentários:

Gislainne Ozaki disse...

Boa tarde Expedito, adorei o seu Blog... quer ir prá França...
Obrigado pelas indicações de meu Blog, vou adicionar o seu, te aviso...

Abraços
Gislaine

Jeanne Geyer disse...

Sabes que também faço a mesma pergunta que não quer calar? Quem sabe um dia terei a resposta para estas e outras perguntas. Voltarei aqui. um abraço.

Marly Bastos disse...

Expedito,
Uma descrição perfeita de Gênesis a Apocalipse de uma maneira leve e poética. Deus fez tudo perfeito, como Ele é perfeito, mas o homem com seu livre arbítrio destruiu o belo, o bom, o perfeito e tentou criar tudo à sua maneira, é vivemos nesse marasmo de dias, nessas incertezas...
Porque não comer daquele fruto, de todos o mais desejável?
Acho que era o mais desejável pq era proibido. Somos assim, sempre queremos o que nao temos, buscamos o que não sabemos. Se Deus tivesse mandado comer daquele fruto eu aposto que eles nem teriam passado por perto!
beijokas doces

Marcelo Pessoa disse...

Olá meu amigo, passando por aqui visitando seu blog e posso lhe dizer que gostei muito do mesmo.
Aproveito e convido você a nos visitar e se possivel nos seguir no http://luzevida123.blogspot.com/

Sissym disse...

Expedito, concordo com seu belo poema cheio de sentimento e experiencia de vida.

Como gostei desta parte, a que encerra:
"Observamos estrelas enquanto pisamos a areia,
somos mesmos irresistíveis, impossíveis, invencíveis!"

Somos capazes de amar e tambem de odiar, somos capazes de criar, unificar e tambem de separar.
Que o amor, virtude nobre concedida por Deus, possa ser maior em todos ao redor do mundo.

Beijos

Cidinha disse...

Olá, Professor. Passando por aqui. Belo texto! E como diz Marly, perfeita descrição da genêsis. Parabens! Ficou lindo! Abraços.

Maria Adeladia disse...

Expedito, ótimo póster!
Deus é perfeito, mas o ser humano não é, ou não quer ser!
Têm o livre arbítrio, mas muitas vezes não pensa com clareza e acaba cometendo destruições com o próprio planeta, ainda achando-se sábio!

Abraços e sucesso!

Expedito Gonçalves Dias disse...

>>> Gislaine Ozaki:> Como quero ir à França...
Obrigado pela visita, volte sempre!!

>>> Jeane Geyer :> Este mundo é mesmo complicado. quantas perguntas sem respostas... Abraços!

>>> Marly Bastos:> Será mesmo por isso? E sabedor disso tudo por que o Criador colocaria tal árvore lá? Não é estranho? Abraços!

vendedor de ilusão disse...

É verdade, podemos nos negar, mas no fundo é uma pergunta que não se cala: por que não comer o fruto de árvore tão bela? Grande analogia em forma de poema que faz sobre nós e a vida. Soberbo professor, simplesmente isso, – soberbo! Parabéns!

Néia Lambert disse...

Outra palavra não tenho para esse poema: BRAVO!

Um abraço.

Expedito Gonçalves Dias disse...

>>> Marcelo Pessoa :> Obrigado pela visita. Já passei também pelo seu blog. Volte sempre!

>>> Sissym:> Que bom que veio! Acredito que apesar de suas limitações conscientes,a capacidade do homem é ilimitada sim. Abraços. Volte sempre!

>>> Cidinha:> Não foi intenção de descrever nada. Apenas foram fluindo as impressões e deu no que deu! Obrigado! Abraços.

>>> Maria Adelaide:> Concordo sim com essa tese da perfeição. Se foi criado por Alguém perfeito, não pode ser imperfeito. Obrigado pela presença!

Samanta Sammy disse...

Olá querido amigo !!!

Nossa que poema maravilhoso, adorei !!
descreveu com beleza e perfeição nossa trajetória caótica como seres humanos, sempre criando, errando, acertando, confundindo, fazendo o mal e o bem... somos tão confusos, estamos perdidos em nós mesmos e nas nossas capacidades, não sabemos o que fazer com o que somos e o que temos, e nem com o que podemos...
Seu poema está perfeito, além de beleza nos traz reflexões e a mesma questão em nossa mente, quando pensamos no dia em que tudo começou :)

Um enorme abraço e um excelente restinho de semana ! mande beijos pra Maluzinha :)

Rogerio Rocha disse...

olaaaa parabéns pelo belo texto..uma visão perfeita da escrita em passagem bíblica..uma forma real de demonstrar as palavras...
Não somos perfeitos, mas na nossa cultura ou sangue queremos ser, por isso Deus nos fez um pouco menor que Ele para que saibamos controlar e ter a absoluta certeza que não importa o tão grande fiquemos nesse mundo, mas Ele sempre será nossa prioridade

abraçãooo
parabéns pelo seu blog!!

Expedito Gonçalves Dias disse...

>>> Vendedor de Ilusões :> José Carlos, o que ainda não sabemos nós de nós mesmos? Tudo! E esta é a função do poeta: Acordar-nos do nosso sonho...

>>> Sammy, obrigado pelo comentário lisonjeiro. Mas é realmente mesmo: neste caldo caótico nos movemos lentamente meio que indignados em busca de respostas. Abraços!

Van disse...

Oi Expedito,

que poema instigante, a trajetória humana e suas mazelas, muito bem listadas e colocadas.

Um abraço!

Expedito Gonçalves Dias disse...

>>> Rogério Rocha:> Obrigado Rogério pela participação. Obrigado pelo comentário. Abraços!

>>> Van:> Que bom tê-la por aqui de novo. Sim, os assuntos tabus nos instigam realmente. Existem muitos mistérios que permeiam nossa existência...
Abração!

Alba Simões disse...

Olá amigo Expedito
Parabéns pelos poemas postados.
Você trabalha muito bem com as metáforas e os
temas são de profunda reflexão!
Grande abraço

Expedito Gonçalves Dias disse...

>>> Alba Simões:> Obrigado pela visita, menina. É sempre uma honra tê-la por aqui. Espero que tenha realmente eu tenha conseguido levar à reflexão com meus versos. Abraços!

Yolanda Hollaender disse...

Fantástico, amigo Profex!
Uma forma criativa e irreverente de abordar desde Adão e Eva, até a pergunta final que leva ao começo de tudo...
A vida é isso mesmo: começa, termina e continua. Por isso dizemos que a vida é eterna!
Aproveito para agradecer sua presença, quando do aniversário do PONTO DO POWER POINT.
Meu forte abraço,
Yolanda

Expedito Gonçalves Dias disse...

>>> Yolanda Hollaender:> Oi, menina. Obrigado pela presença e pelo comentário. E mais uma vez parabéns pelo PONTO DO POWER POINT! Abraços!

Marie disse...

Parabéns belíssimo texto! Fiquei encantada, seguindo seu blog. Boa semana! Bjks :)
http://cmari.blogspot.com/

Expedito Gonçalves Dias disse...

>>> Marie:> Obrigado por sua passagem por aqui. Que bom que tenha gostado do blog. Volte sempre!

Formulário de Contato - Expresse sua opinião. Retornarei!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Veja as Postagens Populares do blog

Aguardo você por lá!...

Informação Importante

Este blog - O Blog de Poesias do Profex - anexa ou linka textos da internet preocupando-se em dar o devido crédito a eles e sua origem. As imagens, na sua maioria são do banco de dados do Google, conforme indico junto às postagens. Quem se sentir lesado por uma exibição indevida, por favor entre em contato para que eu possa atribuir os respectivos créditos; ou ainda, se for o caso, retirar das páginas a postagem ou imagem em questão.

Espero portanto que se um leitor tiver a pretensão de usar uma matéria (ou parte dela), um poema (ou um excerto dele), faça da mesma forma, dando o devido crédito junto à elas, sob pena de se fazer valer a Lei de Direitos Autorais.


E-mail: professorexpedito.radialista@hotmail.com
Some images used on the BLOG DO PROFEX are taken from the web via Google Images, if by chance you find any here who is registered and of his own, let me know that I will be happy to credit! Thank you!

.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...