Abrir popup
Poesias, Varginha-Terra do ET, BRICS, Dicas, Frases e Reflexões...

domingo, 28 de fevereiro de 2010

Trocando em miúdos - Vamos Tricotar?

Olá você que me acompanha...
Bom estar com você!
Domingo parado e sem nada pra fazer? O almoço foi servido, o pessoal já chegou do clube e foi tirar um cohilo depois da bela macarronada. E a TV não tem nada a oferecer de novo, a não ser notícias sobre terremotos ou escândalos políticos...
Faço então um convite para acompanhar uma pequena reflexão.
Zilhões de bytes são postados na Internet diariamente e ela passou a fazer parte da sua vida e você nem se deu conta. E de repente você se pega lendo essa matéria. E, é aí, que peço sua atenção para o que vai ficar pra você das entrelinhas dela.
Os tempos mudaram, está tudo muito acelerado e cada um, lá no fundo, quer entender essas transformações para manter a própria sanidade mental.
O fenômeno do crescimento acelerado das coisas na internet se deve muito mais à demanda do que fazer com o tempo do que propriamente de quaisquer outros fatores, sejam ou não de ordem econômica. O E-commerce aumentou? Sim, mas por que? Por que tem mais e mais pessoas passeando, viajando pela Internet, consequentemente comprando...
Eu explico, colocando em termos de Brasil, esse fenômeno. Apesar dos pessimistas de plantão tentarem buscar razões de ordem econômica e focar sempre na crise, observamos o outro lado da questão. 
Se compararmos dados do PIB de 30 anos atrás com o atual veremos que a economia cresceu muito mais do que a população no mesmo período. Ou seja, os recursos que cada um tem hoje é muito superior aos daquela época.
A Tecnologia e a Informação desencadearam um processo de crescimento, jamais imaginado. A máquina, seu subproduto, substituiu o homem em quase todos os processos da vida. 
Tiro daqui os argumentos político-sociais e não entro no mérito da distribuição de renda. É um assunto que desencadeia discussões acaloradas e que tem de ser analisado sob uma ótica mundial...
Não é o nosso foco aqui, no momento. Mas podemos dizer -isso sim!-, que a qualidade de vida melhorou, de certa forma, para todos.
Claro, ficou mais difícil para uns, fácil para outros. Mas não foi sempre assim? 
Ficou pra nossa reflexão de hoje o seguinte: O que fazer com o tempo extra que a modernidade nos deixou? A máquina tirou o emprego de muitos, é verdade. Sobrou tempo disponível. Disponível? Para que?....
Eis a razão do crescimento da Internet no que se refere à utilização do tempo, ao lazer, às pesquisas, aos relacionamentos, às 'viagens'...
E, voltando um pouco no próprio tempo: A Disneylândia, em 1955 era inaugurada e, 10 anos depois, 7 milhões de pessoas tinham ido a Anaheim na Califórnia para visitá-la. Em 71 surgia a DisneyWorld em Orlando, na Flórida e vários parques temáticos foram surgindo por todo mundo...
Captou? Com o crescimento da internet esses passeios, embora virtuais, acontecem aí, na sua telinha do computador. E o tema da sua viagem está na ponta dos seus dedos. E tem muito mais gente 'viajando'...
Para o ócio -esse tão necessário requisito para a saúde mental- no passado, havia o tricô, as brincadeiras de rua e as viagens dos mais abastados. Hoje, a Internet traz tudo isso em pacotes dosados de acordo com a sua necessidade.
Está explicado o boom das grandes empresas de entretenimento, das redes de relacionamento social e a demanda de mais espaço ainda para colocar toda essa informação ao alcance do maior número de pessoas possível.(Está chegando a navegação- ou computação nas nuvens - cloud computing para resolver essa demanda).
Pense na importância da Internet nos dias de hoje e na legião de pessoas mundo afora sem ter o que fazer e que buscam nela a sua forma de lazer ou de busca de informação.
Convido-o então para continuar tricotando comigo!
(Quanto às implicações de um mundo sem Internet eu deixo para você, caro amigo, tirar suas próprias conclusões..)
 Té+! Bom encontro é de dois. Volto amanhã ou depois!...
0005-Trocando em miúdos-Profex

sábado, 27 de fevereiro de 2010

Meus Poemas - Mais um Hai-Cai / Curtinha


Mais um HaiCai livre

Sai do forno mais um haicai.
Morno, mas tanto faz!








Curtinha
A vida é assim:
pequenos insights
me trazem até a mim.
No meio da multidão,
total abstração.
Na sala de estar,
sólida percepção de perda,
solidão de pedra.
Autor: Expedito Gonçalves Dias
0018-Mais um Hai-kai/Curtinha-(Escrito em 26-02-2010, em Varginha-MG, às 10:30 h)

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Meus Poemas - Memorizando dados


Digito o texto em meu PC.
Num simples clicar do mouse,
toda magia acontece.

Mando um verso pra você,
pois sei que não é por acaso
que esta paixão tanto cresce..
.
Digo pra máquina o endereço
e guardo então na memória
o que acabei de escrever.



Dele sei que não me esqueço.
Mas quero reler outra hora...
quando a saudade doer!
Autor: Expedito Gonçalves Dias
0017-Memorizando dados-(Escrito em 23-01-1998, em Lambari-MG, às 02:55 h)

Meus Poemas - Geografia


Quero conhecer outras terras,
Quero amanhecer outras manhãs.
Quero outras serras, outros contornos,
Quero, quem sabe, um outro mar.

Quero, entre outras coisas, voltar a ser criança.
Quero conhecer o mundo novamente.
Quero ter a inocente esperança,
Quero viver mais, arriscar.
Quero deixar de ser tão morno,
Quero te convencer, te conquistar. 

Quero outra metade da maçã, o pomar inteiro,
Quero outro sítio onde eu possa relaxar.
Quero um dia de domingo para passear com você.

Quero sentir seus montes, suas curvas,
Quero desvendar seus segredos.
Quero acima de tudo acertar,
Quero aprender sem fanatismo toda a lição.
Quero desfrutar dos seus carinhos,
Quero sentir os seus medos.

Quero admirar sua meiguice.
Quero um caminho novo,
Quero outra via, sem espinhos.
Ver imagem em tamanho grandeQuero seguir apenas o coração...
Quero flutuar sobre os abismos
...e conhecer sua geografia!
Autor: Expedito Gonçalves Dias 
0016-Geografia-(Escrito em 23-10-2000, em Varginha-MG, às 21:55 h)

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Mande a sua! - Contra a taxação dupla!

LEU? GOSTOU? COMPARTILHE!

(0004)
Aqui, a sua postagem!
O texto de hoje me foi enviado por Bruno Fernandes (bruno.285@hotmail.com)

O seu voto para o fim da taxação dupla.

Aí, pessoal
SERÁ VOTADO EM MARÇO...
VAMOS LÁ.
Dê também o seu apoio a este excelente projeto de Lei -  A União vai fazer a Força -
CANCELAMENTO DA TAXA TELEFÔNICA de: R$ 40,37 (residencial) e R$ 56,08 (comercial)
Quando se trata do interesse da população, nada é divulgado na mídia. 
COMO PROCEDER:
Ligue 0800-619619.

Ouça o menu, aperte 1 e espere a opção eletrônica. Digite 1 novamente, que é para votar a favor do cancelamento da taxa de telefone fixo. 
O Projeto de Lei é o de n.º 5476/2001.

Esse tipo de assunto NÃO é veiculado na TV ou no rádio, porque eles não têm interesse e não estão preocupados com isso. Então nós é que temos de correr atrás, afinal quem paga a conta somos nós!
O telefone a ser discado: 0800-619619, de segunda à sexta-feira das 08 às 20h. É da Câmara dos Deputados Federal.
Passe para frente esta mensagem para o maior número de pessoas possível.
LIGUE: 0800-619619. Vamos divulgar!
Entrando em vigor esta lei, você só pagará pelas ligações efetuadas, acabando com esse roubo que é a assinatura mensal. Este projeto está tramitando na 'COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR', na Câmara.
Quantos mais pessoas ligarem, quanto mais vezes, maior a chance.
O BRASIL AGRADECE!
Não adianta a gente ficar só reclamando...
Quando podemos, devemos tomar alguma atitude!
Se na sua viagem pelo ciberespaço você encontrou algo que mexeu com a sua emoção, ou com seus brios compartilhe! Se tem uma dica, aquele poema ou artigo guardado na gaveta e gostaria de vê-lo publicado, mande pra cá. 
Você pode ajudar ou tocar o coração de alguém!
Envie pra mim, com a devida fonte, autor, etc.  E-mail: professorexpedito.radialista@hotmail.com
A comunidade do Blog do Profex vai agradecer, com certeza!

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Trocando em miúdos - Siga o coelho branco!

Siga o coelho branco!
Olá você que me acompanha...
Bom estar com você!
Estive durante o período de Carnaval -e no que se seguiu, fazendo algumas observações pessoais. De vez em quando me pego a argumentar com meus botões, coisa perfeitamente natural nos dias atuais. Deve ser normal, sim, pois cruzo com pessoas e seus celulares, descendo as avenidas falando alto. Essas cenas, no início, quando essas maravavilhas móveis surgiram, eram hilárias...coisa de maluco!
O que eu quero dizer é que o hábito faz o monge. O uso constante das novas tecnologias vão criando um novo estilo de vida. E é dessas incorporações de hábitos que vou falar aqui. Da tecnologia sendo iassimilada e passando a fazer parte da vida das pessoas, modificando o estilo e o modo de viver, no final.
Nessas minhas divagações eu  comecei a fazer uma análise sobre as redes sociais. Elas exercem um fascínio cada vez mais crescente sobre as pessoas. E comecei a perambular meio a esmo pelas páginas do meu navegador no notebook. Depois resolvi pesquisar mesmo. E quedei-me diante da quantidade e da força que elas têm!
Passei então a ver as estratégias que utilizam para arregimentar mais e mais adeptos.
Dei de cara com a infinidade de redes que se formam dia após dia. (Algumas delas, podemos até acessar aqui mesmo neste blog através de links que incorporei..)
As estratégias dos criadores dessas redes vão  de encontro aos desejos de quem se afilia a elas, atendendo aos seus gostos e manias. Para cativar os seguidores disponibilizam formas de compartilhamento dados e agregamento de sites e funcionalidades.
Pessoas na rede procuram pessoas para bate-papo, para encontros, reencontros, voluntariado, para colecionar coisas, viajar, opinar, fofocar, comer bem, comprar, vender, consumir, jogar, cuidar de bichos, enviar presentes, construir árvores genealógicas, compartilhar fotos, mensagens, livros e música, ...tem de tudo nessas redes!
E são tantas:  Orkut e suas Comunidades, Facebook, Twitter, MySpace, hi 5, Quepasa, Sonico, Badoo, Formspring.Me -entre as mais populares. Essas agregando todos os gêneros. E, outras, de nicho mais definido, como Flicker, Tumblr, Nayms, Plaxo, DiHitt, Ueba, Blogblogs, e por aí vai.
Eis que me deparo com a Porkut, rede social dos torcedores do Palmeiras! Dessa meu amigo Edson Photolab já vai participar...
As redes são o reflexo dos seus usuários. Pense num gosto pessoal, numa mania extravagante e encontramos uma rede social que os atenda. Nela você encontra a sua turma!...
Mas isso me lembra as estórias de Alice, personagem de Lewis Carol- e seu tédio: Sentada certa vez, sonhando acordada diante da irmã que lia seu 'livro sem imagens', a menina Alice vê passar um estranho coelho falante. Ela o segue até a sua toca e chega ao País das Maravilhas. Ali vai encontrando personagens cada vez mais interessantes e loucos. Depois, Lewis Carrol nos mostra Alice no País dos Espelhos. Lá, ela se depara mais uma vez com um mundo estranho, uma terra ao contrário, onde situações e personagens inusitados vão surgindo...
Alice e suas peripécias é um personagem forte. Mexe fundo em cada um de nós. Em Matrix, filme dos irmãos Wachowski e estrelado por Keanu Reeves, a alusão ao País das Maravilhas também se fez presente. Qualquer dia desses marcamos um encontro para falar dele...
Pois, bem! A internet e suas redes sociais nos remetem à esses lugares. E vão modificando também seus personagens. Os hábitos vão se tornando outros. Passamos a utilizar o tempo de um outro jeito. Nossos relacionametos estão se modificando depois do advento das redes sociais. E veja: algumas  agregam mais valor ao nosso modo de vida. Outras depreciam-no. É preciso saber disso ao entrar numa dessas tocas. É bom saber antes em que país aportaremos, para saber qual coelho seguir...
Como Alice, munidos de nossa curiosidade, empreendemos uma deliciosa viagem por um mundo encantado de sonhos que desejamos visitar e compartilhar, não importa nossa idade.
Quando surgir o tédio, faça sua escolha e siga o coelhinho!
'Té+! Bom encontro é de dois. Volto amanhã ou depois!...
0006-Trocando em miúdos - Siga o coelhinho branco!
(Bem lembrado, ok. Parabéns à turma da estrela solitária! Mas eu já havia dito que alegria de Vascaino durava pouco.Não foi de goleada, mas estou dando a mão à palmatória..rs rs)
 

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Meus Poemas - Canaã





Por um momento, iluminam-se as noites mais escuras  
e máquinas aéreas superiores desenham riscos no firmamento. 
Ao fundo, os  corpos celestes do plano zodiacal 
indicam como ponteiros de um grande relógio 
que é chegada, então, a boa hora, 
bem no horário, com a precisão de segundos.
Mas são ainda pálidos os reflexos da ciência.
Nada revolucionário nos chega à razão, por ora. 
Apenas arriscamos balbuciar frases coerentes
em nossa elementar e primitiva forma de comunicação.
A mais avançada tecnologia conhecida 
gera apenas pequenos códigos lineares, 
sem sentido, e se queda diante da grandeza do Universo. 
Os homens da ciência com suas máquinas de lógica, 
criam o reverso da moeda, fantasia, pura ilusão.
Mas no fundo da alma do homem mais simples 
existe um elo que o liga ao mais alto da imensidão do infinito,
numa instância diferente, uma segunda religião.
A origem está sempre presente em cada ente vivo. 
Como uma marca, um selo. 
Um link a ser acionado à distância, 
uma semente que irá desabrochar na precípua estação.
E quando ele recebe o chamado, o incentivo,
vai com ganância em busca do seu destino.
Seus olhos se voltam em direção às estrelas,
pulsa o coração de ansiedade pura.
Cresce dentro de si o desejo da subida, de ascensão,
um desatino que o empurra em busca da identidade. 
É a redenção da crisálida que da poeira do chão
encara a face obscura do desconhecido,
suplicando por sua memória que lhe fora subtraída outrora...
Prevendo a sonhada liberdade, se arrepia.
É um momento de rara beleza! 
O mundo inteiro estremece!...
Num ato de coragem, a irisada borboleta alça seu vôo, 
sai do casulo terrestre indo adejar adiante noutros sítios,
terras iluminadas por outros sóis, numa tardia viagem.
Livre das algemas, despe-se também dos dogmas, 
voeja a céu aberto para longe do cativeiro.
Não precisa de bagagem nem de mapa, 
pois conhece a direção natural fornecida pelos arrebóis, 
nas manhãs da nova consciência.
As máquinas da providência lhe darão o maná, 
quando necessário, em esquemas já definidos.
 








Sente-se serena, sem medos ou vaidade, a sua alma feminina.
Curte tranquila esse despertar e se extasia diante da nova cena.
Reconhece-se como sendo um rebento da terra prometida, 
no desvão sideral que a sua própria imaginação ousou criar.
Tem agora diante de si outra luz e o mapa da caminhada, 
Sua alma se contagia: desta vez sente que vai valer a pena! 

Um programa então se instala. 
Seus neurônios decifram a rotina
A verdadeira humanidade ganhou mais uma aliada!
Autor: Expedito Gonçalves Dias
0015-Canaã-(Escrito em 06-04-92, em Lambari-MG)

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Trocando em miúdos - Parabéns para todos nós!!!

Olá você que me acompanha...
Bom estar com você!

Pois passou o Carnaval e as coisas vão voltando ao normal. Esquecemos um pouco a TV, encaramos o mundo real, tropeçando de novo na rotina do dia-a-dia: contas pra pagar, mazelas, dores de cabeça... coisas de pobres mortais. 
Vemos no noticiário: neve na Itália, aumento do número de acidentes nas estradas, principalmente em Minas Gerais, devido ao Carnaval. Blocos cariocas deixam 260 toneladas de lixo nas ruas depois da folia; demissão do técnico Muricy do Palmeiras (também não era para menos: goleada de 4X1 do São Caetano!...). Tudo exatamente como era antes. 
Ainda bem, estamos no Brasil, ainda no planeta Terra! 
E também voltamos ao nosso papo aqui.
Estamos a 1 dia de completar 1 mês de blog. Sobrevivi ao stress de montá-lo. E fiz tudo isso, sem nenhuma bagagem, sem conhecer linguagens complicadas ou truques mirabolantes. Apenas interpretando tutoriais e aplicando, devagar, uma ou outra funcionalidade da plataforma que escolhi, postando matérias, respondendo e-mails. E apanhando... claro pois sou novato na área!
Mas estou apaixonado pela coisa, principalmente por ver a participação. Alguns apenas lendo ou comentando. Outros mandando posts. E, ainda,
muitos paraquedistas que caem bem no meio dessa bagunça. Sejam bem vindos, se acomodem por aqui...
Mas tudo vai se organizando aos poucos. Prometo!
Amanhã, coloco outra enquete. 
Vi que o pessoal gostou dos poemas (obrigado!-não esperava tanto...) e também das dicas. Mas, agora tem o Espaço do Internauta, onde, além das matérias que me mandarem, quero fazer dele um espaço social. Portanto, meus amigos, podem mandar fotos também pra gente ilustrar essa coisa aqui. 
Eis o anti-blog, ilustrado, cheio de conteúdo, fotografias. Os blogueiros mais antigos devem estar achando cafonérrimo! Mas eu ligo? Claro que não...
Por causa desse resultado, continuo postando os poemas e estou incrementando as dicas. E esse espaço de troca do internauta será ampliado..
Vi que muita gente não sabia nem o que era um blog. Eu também não. Não sabia, mesmo. E ainda não sei. Mas vamos aprender juntos. E para isso estou repassando no espaço das Dicas (Metablogagem) toda a minha experiência, que é quase nenhuma. Mas compartilharei de bom grado. Quem sabe, você que está lendo essas linhas, queira montar o seu blog. Não vai ter que quebrar tanto a cabeça como eu. Vou colocar passo a passo como fazer isso. E pode contar comigo, serei seu fiel leitor...
Quanto aos seguidores deste, alguns ainda não colocaram a foto lá no quadro. Tentem aí mais uma vez!
Um mês de blog:Parabéns para nós!
E quanto ao resto...Vascoooo! Deixa eu sonhar, enquanto dá tempo!
(Alegria de Vascaíno dura pouco...)
0005-Trocando em miúdos - Parabéns para nós!!!
>>> 'Té +! Bom encontro é de dois. Volto amanhã, ou depois! - Profex

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Meus Poemas - Tortas e varais

Este silêncio que minhas antenas apalpam
é uma fatia de céu que eu tentava, outrora, 
memorizar naqueles meus antigos disquetes.
Com calma, revejo cada passo dessa história.






Daquelas tormentas, restam apenas 
pequenos fragmentos de memória
que deslizam, já, sem traumas,
para a lata-de-lixo sob a mesa da maquete.

Esta calmaria soa como brisa refrescante!
É a saliva doce de um beijo esperado,
a torta de morango, o pudim de coco, 
a tão difícil mesada para a matinê...
O tempo se quedou por um instante.
A dor da sua ausência se perdeu n'alguma esquina 
e não vejo os tais vultos no corredor...
também não há mais por que esperar ou correr...

Aqui no chuveiro, nesta tarde incerta,
tento enxaguar a dor dessa alma vadia.
Neste estado de torpor, não raciocino
e nem procuro sentido para minha sina...

À guisa de perdão, finjo displicência...
Deixo escorrer pelo ralo todo meu passado.
Vejo planos aleatórios pendurados pelos varais,
ao olhar pela estreita janela aberta:
 
Um cenário novo para uma vida vazia.

São idéias leves açoitadas pela brisa,
que voltam á cena e pedem para atuar
alguns roteiros são antigos, porém,
surgem em nova e requintada roupagem.
Intencionalidades isentas de razão,
esquetes e sainetes ambíguos,,, 
São filmes inéditos que precedem
uma  nova temporada com você.

Estremeço diante dessa visão fascinante!
Depois, fecho os olhos e deixo-me levar
pela displicência, que chegou sem aviso,
nessa onda suave carregada de magia...

Esta aragem refrescante de porvir
esconde um leque de possibilidades...
Sintonizo essa nova frequência.
Ouço de leve uma canção ao longe:

Não reconheço a letra,
                        mas gosto da melodia!
Autor: Expedito Gonçalves Dias
0014-Tortas e varais-(Escrito em 07-04-1992, em Lambari-MG, às 21:55 h)

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Metablogagem - Sim, quero ser um blogueiro!

COMPARTILHANDO DICAS 

Outro dia, num desses foruns-maravilhas da Internet, vi um comentário de um blogueiro falando sobre as possibilidades de se viver exclusivamente de blogs, ou de qualquer outro "trabalho" feito através da interface e das ferramentas desenvolvidas para a internet.E a conclusão: é possível sim. Mas não é tão fácil assim...
Nas dicas anteriores eu comentei sobre as virtudes a serem desenvolvidas por quem queira realmente fazer parte dessa legião de abnegados que  buscam soluções, criam mecanismos e estratégias, interagem, aprendem, compartilham conhecimentos e fazem a coisa andar.
Entre elas está o engenho que é, nada mais nada menos, do que aplicar o que a curiosidade foi buscar. Aplicar o conhecimento. Colocar na prática, experimentar.
O comentário se referia ao longo caminho a ser percorrido até se ter um blog ou um site de sucesso! O assunto em pauta era monetização de site. O termo é empregado, no jargão da blogosfera, para definir a possibilidade de gerar dinheiro (de money, mesmo) com a atividade de se fazer blog. Ou seja de empregar um tempo diário com uma atividade prazeirosa e ao mesmo tempo ser pago por isso.
Existem lendas e fatos reais. Conheço pessoas que enriqueceram cuidando de blogs com carinho. Tenho conhecimento de uma pessoa bem próxima que tem um site milionário, trabalho árduo, diário de 9 anos.
Pois o referido blogueiro dizia que veio a receber os primeiros 100 reais de um grupo afiliado somente depois de 5 anos de atividade. E ele achava de bom tamanho, pelo visto.
Claro que se ele começasse hoje, com a bagagem adquirida, monetizaria seu espaço em 6 meses ou menos.
Não é para desanimar ninguém, pelo contrário, para colocar a verdade: dinheiro fácil não existe! 
Se você quer ganhar dinheiro com a atividade na internet, deve seguir a receita colocada no ultimo post destas dicas. E a primeira coisa é começar, ou seja, fazer o tempo trabalhar a seu favor.
A segunda é descobrir o seu nicho. Por exemplo: eu optei pela variedade e entretenimento. Este nicho me dá a possibilidade de delírar de vez em quando e postar o que me vem na cabeça. Mas tenho de manter uma coerência.
Dentro desse nicho eu posso falar de música, de poesia, de variedades, etc e vou afiando as ferramentas aos poucos e escolhendo as que vão dando melhor resultados.
Sobre resultados iremos falar numa próxima postagem.
O seu nicho pode ser falar sobre orquídeas, sobre criação de cavalos árabes, ou jogos interativos na internet, ou ainda filmes...as possibilidades são infinitas.
Então a primeiro ingrediente é a disposição de começar, colocar os ponteiros do relógio para andar.
O segundo, portanto, é escolher o seu nicho de interesses para você ter o conteúdo.
Ter o que postar todo dia, focar no seu público para atendê-lo e ele pagar com sua visita, retornando, te seguindo e sendo fiel devido a este conteúdo.
Dito isso, deixo para a próxima a continuação da nossa receita, começando a trabalhar um outro assunto: Decifrando os códigos do espaço virtual, onde começaremos a adentrar no jargão utilizado por aqui...
Um abraço a todos...
(0002)Sim, quero ser um blogueiro!
Recebemos diariamente muitas informações dos amigos da Internet e dos metablogueirps. E muitas delas merecem ser compartilhadas. Você, também, ao receber algo que queira divulgar, mande para o e-mail: professorexpedito.radialista@hotmail.com . 
O assunto poderá ser divulgado aqui, bem como sua fonte de procedência. Vamos compartilhar para aprender mais!
 
Este é o seu espaço para compartilhar dicas e novas idéias com os amigos!! - Profex

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Mande a Sua! - A evolução da Educação.


 (0002)Aqui a sua postagem.
O texto de hoje me foi enviado por Sandra Dias (shandavga@hotmail.com), que por sua vez recebeu de do PC Farias (pauloneg@hotmail.com), que por sua vez...-Sandra, obrigado por interagir conosco!
PARA ONDE ESTAMOS INDO???
A Evolução da Educação. 
 
Antigamente se ensinava e cobrava tabuada, caligrafia, redação, datilografia... Havia aulas de Educação Física, Moral e Cívica, Práticas Agrícolas, Práticas Industriais e cantava-se o Hino Nacional, hasteando a Bandeira Nacional antes de iniciar as aulas. Não importava se você era portador de necessidade especial, se recebia bolsa escola, se era branco, amarelo, vermelho ou qualquer outra cor, pois no final do ano quem merecia era aprovado para a próxima série e simplesmente quem não havia atingido os objetivos "repetia" de ano, sem traumas.

> Leiam relato de uma Professora de Matemática:
 
"Semana passada, comprei um produto que custou R$ 15,80. Dei à balconista R$ 20,00 e peguei na minha bolsa 80 centavos, para evitar receber ainda mais moedas. A balconista pegou o dinheiro e ficou olhando para a máquina registradora, aparentemente sem saber o que fazer. Tentei explicar que ela tinha que me dar 5,00 reais de troco, mas ela não se convenceu e chamou o gerente para ajudá-la. Ficou com lágrimas nos olhos enquanto o gerente tentava explicar e ela aparentemente continuava sem entender. Por que estou contando isso? Porque me dei conta da evolução do ensino de matemática desde 1950, que foi assim:

>  1. Ensino de matemática em 1950:
> Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção
> é igual a 4/5 do preço de venda. Qual é o lucro?

>  2. Ensino de matemática em 1970:
> Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção
> é igual a 4/5 do preço de venda ou R$ 80,00.
> Qual é o lucro?

>  3. Ensino de matemática em 1980:
> Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de
>  produção é R$ 80,00. Qual é o lucro?

>  4. Ensino de matemática em 1990:
> Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção
> é R$ 80,00. Escolha a resposta certa, que indica o lucro:
>  ( )R$ 20,00 ( )R$ 40,00 ( )R$ 60,00 ( )R$ 80,00 ( )R$ 100,00

>  5. Ensino de matemática em 2000: 
>Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção é R$ 80,00. O lucro é de R$ 20,00. Está certo?
> ( )SIM ( ) NÃO

>  6. Ensino de matemática em 2009:  
> Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção
> é R$ 80,00.Se você souber ler coloque um X no R$ 20,00.
> ( )R$ 20,00 ( )R$ 40,00 ( )R$ 60,00 ( )R$ 80,00 ( )R$ 100,00

>  7. Em 2010 vai ser assim:
> Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção
> é R$ 80,00. Se você souber ler coloque um X no R$ 20,00. (Se você é afro descendente, especial, indígena ou de qualquer outra minoria social não precisa responder)
> ( )R$ 20,00 ( )R$ 40,00 ( )R$ 60,00 ( )R$ 80,00 ( )R$ 100,00
 
E se um moleque resolve pichar a sala de aula e a professora faz  com que ele pinte a sala novamente, os pais ficam enfurecidos pois a professora provocou traumas na criança..."
Se na sua viagem pelo ciberespaço você encontrou algo que mexeu com a sua emoção, compartilhe! Se tem aquele poema ou artigo guardado na gaveta, mas gostaria de vê-lo publicado, mande pra cá. 
Você pode tocar o coração de outra pessoa!
Envie pra mim, com a devida fonte, autor, etc, pelo e-mail: professorexpedito.radialista@hotmail.com
A comunidade do Blog do Profex vai agradecer, com certeza!

Meus Poemas - Modus-operandi


O seu particular juizo da existência
é um canal que mostra apenas uma ponta do iceberg.
É quase nada, ilusão desmedida, pura fantasia.

O fundamento da sua maneira de sentir,
de provar, de medir a consistência,
este sim, tem mais a ver com o totum, 
com a realidade em si mesma,
vai muito além da idiossincrasia
e se aproxima do "x" do teorema universal.

Eis assim posto o telesma.
a ante-câmara da verdade.
Maior que o iceberg,
maior que o oceano que o contém, 
-descomunal-
maior que a Terra que o oceano abriga,
muito maior que a vida...

Assim opera a existência:
A cruz na sua perpendicularidade,
indica maior profundidade que extensão.

Já a horizontal é apenas uma parada,
um sítio para tomar fô-le-go,
uma estalagem para descanso.
Embora seja da vida a razão,
é apenas uma virgula no discurso...

Para cima e para o alto,
reza a inexorável lei.
A verticalidade domina a vida
e o norte determina
pisando leve, ou aos saltos
-no seu intercurso ou na totalidade.

Mas só o poeta sabe disso, 
pois engendra a rima e o verso.
Despido da sua vaidade,
vai muito além do verniz.

Artista e legítimo escultor da sorte,
ele é, ao mesmo tempo mestre e aprendiz,
bem acima do comum dos mortais,
sempre atento, na ida e na vinda.

No afã de buscar o reverso da moeda,
sai da verticalidade e segue adiante,
avança mais, vai mais ainda,
buscando impávido a segunda via...

Celebrando a sua humanidade,
tropeça nas dores do mundo e as supera,
enquanto as nossas alivia.
E, ao buscar o reverso da moeda,
mistura sentimento às suas cores...
Domina a vida e sobrepuja a morte!
Autor: Expedito Gonçalves Dias
0013-Modus-operandi-(Escrito em 12-02-1989, em Lambari-MG,  às 21:55 h)

domingo, 14 de fevereiro de 2010

Mande a Sua! - E o criador descansou...

(0001)
Está criado o Espaço do Internauta!
A primeira postagem vem de BH, de Marlene Machado, jornalista -  (marlenemachado6@hotmail.com). Obrigado, por interagir conosco!
E O CRIADOR DESCANSOU...

Milênio e Shabat, por Rabino Nilton Bonder

Shabat é o conceito que propõe descanso ao final do ciclo semanal de produção inspirado no descanso divino no sétimo dia da Criação. 
Muito além de uma proposta trabalhista já conquistada em grande parte das sociedades do planeta, shabat entende a pausa como fundamental para a saúde de tudo que é vivo. 
A noite é pausa, o inverno é pausa, mesmo a morte é pausa. 
Onde não há pausa, a vida lentamente se extingue. Para um mundo no qual funcionar 24 horas por dia parece não ser suficiente; onde o meio-ambiente e a terra imploram por uma folga, uma pausa; onde nós mesmos não suportamos mais a falta de tempo - shabat é uma necessidade do planeta. 
A terra, Gaia, nós e nossas famílias precisamos da pausa que revigora. Prazer, vitalidade e criatividade dependem destas pausas que estamos negligenciando. Hoje o tempo de "pausa" é preenchido por diversão e alienação. Lazer não é feito de descanso, mas de ocupações para não nos ocuparmos. 
A própria palavra "entretenimento" indica o desejo de não parar. É a busca de algo que nos distraia para que não possamos estar totalmente presentes. Estamos cansados mesmo quando descansados. E a incapacidade de parar é uma forma de depressão. O mundo está deprimido e a industria do entretenimento só pode crescer nestas condições.
Nossas cidades se parecem arquitetonicamente cada vez mais com a Disneylândia e o tipo de emoções que buscamos, também. 
Longas filas para aproveitar experiências pouco interativas. Fim de um dia com gosto de vazio; um divertido que não é nem ruim nem bom. Dia pronto para ser esquecido não fossem as fotos e a memória de uma expectativa frustrada que ninguém revela para não dar o gostinho ao próximo.
Estamos entrando o milênio num mundo que é um grande shopping. A internet e a televisão não dormem. Não há mais insônia solitária; solitário é quem dorme. 
As bolsas de Ocidente e Oriente se revezam fazendo do ganhar e perder, das informações e dos rumores atividade incessante. A CNN inventou um tempo linear que só pode parar no fim.
Hoje não se consegue parar a não ser que seja no fim. Mas as paradas estão por toda a caminhada e por todo o processo. Sem acostamento, a vida parece fluir mais rápida e eficiente, mas ao custo fóbico de uma paisagem que passa. 
Os olhos não têm muito tempo para ver e recorrem à memória para recuperar o que a retina apreendera. 
O futuro é tão rápido que se confunde com o presente. As montanhas estão com olheiras, os rios precisam de um bom banho, as cidades de uma cochilada, o mar de umas férias, o domingo de um feriado, a noite de penumbra e o simples de uma lipo. 
Nossos artistas só sabem fazer instalações - dispor para funcionar. Nossos namorados querem "ficar", trocando o "ser" pelo "estar". Saímos da escravidão do século XIX para o leasing do século XX - um dia seremos nossos. 
Do escambo por carinho e tempo, evoluímos para a compra de carinho e tempo. Quem tem tempo não é sério, quem não tem tempo é importante. Nunca fizemos tanto e realizamos tão pouco. Nunca corremos tanto e deixamos tanto inacabado. Nunca tantos fizeram  tanto por tão poucos. 
Parar não é interromper. Muitas vezes continuar é uma interrupção. Mas isto nos parece difícil de entender. E assim o sol não pára de nascer e a semana de acabar. O mês passa rápido - menos que o salário - mas quando se viu o ano já passou. Do jeito que estamos, não tarda muito, o milênio já foi. 
Shabat é pausa. O dia de não se trabalhar não é o dia de distrair - literalmente "tornar desatento". É um dia de atenção, de ser atencioso consigo e com sua vida.
A pergunta que se fazem as famílias no descanso - "o que vamos fazer hoje?" - é marcada por ansiedade. E sonhamos com uma longevidade de120 anos quando não sabemos o que fazer numa tarde de domingo. 
O tempo por não existir faz mal a quem quer controla-lo. Quem "ganhatempo", por definição perde. Quem "mata tempo", se fere mortalmente. E este é o grande "radical livre" que envelhece nossa alegria - o sonho de fazer do tempo uma mercadoria, um artigo. 
Em tempos de milênio temos que resgatar coisas que são milenares. 
A pausa é que traz a surpresa e não o que vem depois. A pausa é que dá sentido à caminhada. A prática espiritual deste milênio será viver as pausas. Não haverá maior sábio do que aquele que souber quando algo terminou e quando algo vai começar. 
Afinal, por que mesmo que o Criador descansou? Talvez porque mais difícil do que iniciar um processo do nada, seja dá-lo como concluído!
Se na sua viagem pelo ciberespaço você encontrou algo que mexeu com a sua emoção, compartilhe! Se tem aquele poema ou artigo guardado na gaveta, mas gostaria de vê-lo publicado, mande pra cá. 
Você pode tocar o coração de outra pessoa!
Envie pra mim, com a devida fonte, autor, etc, pelo e-mail: professorexpedito.radialista@hotmail.com
A comunidade do Blog do Profex vai agradecer, com certeza!

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Metablogagem - Tá na moda: quer ser um blogueiro?

COMPARTILHANDO DICAS 
Compartilho com você a minha recente e muito curta, ainda, experiência. Se você já é blogueiro, ajude-nos a montar um leve tutorial para quem quer iniciar. Será bem vinda sua colaboração. Vamos lá:
Lição n.1-Pois eu queria, também, há cerca de um mês atrás. Verdade! A vontade surgiu muito recente, há apenas um mês. E já comecei arregaçando as mangas. Decidir e começar.
Lição n.2-Entender que a Net é a democracia implantada pelo homem no espaço virtual, já que aqui em baixo a história não é bem assim. O que eu quero dizer é que se você quiser ser blogueiro vai ter de aprender a compartilhar coisas Estamos há 26 dias do início deste blog -comecei no último dia 19 de janeiro!- e já estou aqui COMPARTILHANDO minha experiência. Por que compartilhar? Estarei explicando nas próximas postagens, com mais calma, pois acho, de verdade, que este é o pulo do gato para se ter sucesso...
Lição n.3-Disposição. Não estou falando de tempo. Pois temos sempre tempo para aquilo de que gostamos. Mesmo que seja não fazer nada! Se você não tem "tempo" nem de mandar uma mensagem para um amigo do Orkut, tem preguiça de abrir um site indicado por um amigo, etc. Não abra um blog! É preciso ter curiosidade, estar antenado e interagindo para querer ser blogueiro. Senão,você se cansa na primeira semana. Fique curioso primeiro. Esta é difícil! Curiosidade é quase um dom nato...
Lição n.4-Dedicação. Blog é uma peça de acompanhamento diário. Nós temos algumas coisas que gostamos de fazer. O segredo do sucesso é fazer o que você gosta de fazer. Por exemplo: me indicaram no Orkut a fazendinha, ou algo assim. Ah, sim, COLHEITA FELIZ! Fui lá e criei a minha. E não voltei até hoje... Dizem os amigos que preciso ir lá colher o que plantei, senão não podem roubar minha produção!!.. Mas não gosto de jogos na Internet e aquilo se assemelha a isso, a um joguinho. Joguinho,  Prefiro um truco! E que não seja virtual. Mas gosto de postar matérias, de ler e compartilhar. Por isso estou aqui, decididamente, dedicadamente...
Lição n.5-Talvez tenha passado pela sua cabeça a idéia fazer mesmo um blog! Agora sim, as dicas aqui passa a ter importância. Você já parou para pensar em que falar no seu blog? Conteúdo é uma coisa séria. Você está convidando os amigos para te acompanhar e eles topam! E de repente você fica mudo. Então antes de abrir um blog pare um pouco e pense na salsicha do seu cachorro quente!...
Lição n.6-Exposição. Todos nós queremos mostrar o que sabemos, mas, às vezes, por n razões, decidimos ficar atrás das cortinas, agindo por debaixo dos panos, etc. Para ser blogueiro você vai ter de se expor, abrir sua caixa de pandora, falar das suas maluquices, seus medos, sua humanidade. Estar sujeito à exposição! Não é querer ter platéia, mas fazer parte da corrente, do tráfego da internet.Talvez esteja aí o segredo do sucesso dos blogs. Mas se você já faz parte de uma rede social, ou várias; se tem muitos amigos na internet e não liga de fazer ainda mais... seja bem-vindo à blogosfera!
Lição n.7-Criatividade. Vc vai dizer: "ah, eu não sou criativo...". Mentira deslavada!  Todos somos criativos. Todo ser humano o é. Quem sabe não seja o blog a ferramenta que vai te mostrar isso?
Lição n.8-Engenho. Muito engenho e jogo de cintura para ir costurando seu blog, buscando aqui e ali as ferramentas para incrementar o seu espaço, dentro do nicho escolhido (as widjets, gadgets,etc... mas vamos deixar os palavrões pra lá... uma outra hora falamos disso).
Lição n.9-Paixão! Ah, não poderia faltar! Aliás deixei por útimo por questão estratégica. Depois, por favor, rearranje a sequência e coloque-a em primeiro lugar. Nessa vida tudo que for feito tem de ser feito por e com paixão. Se ela já morreu dentro de você, não faça blog. Mas se você acorda sempre de bem com a vida querendo compartilhar essa alegria de estar vivo... junte-se a nós. E conte comigo, pro que der e vier!
Lição n.10-Essa e as seguintes eu deixo para você que está lendo este artigo...

Existem muitas lendas sobre blogs e blogueiros. Sou AINDA novo na área e, como estamos no universo ao contrário, -tudo aqui deve ser compartilhado senão você não cresce-, eu vou compartilhar essas lendas qualquer hora dessas. 
0002-Tá na moda: quer ser um blogueiro?
Recebemos diariamente muitas informações dos amigos da Internet. E muitas delas merecem ser compartilhadas. Assim, ao receber algo que queira divulgar, mande para o e-mail: professorexpedito.radialista@hotmail.com . 
O assunto poderá ser divulgado aqui, bem como sua fonte de procedência. Vamos compartilhar para aprender mais!
Este é o seu espaço para compartilhar dicas e novas idéias com os amigos!! - Profex

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Trocando em miúdos - Vou pulá-lo...

Olá você que me acompanha...
Bom estar com você!

Conversava eu com meu filho pelo MSN, à tarde. Ele está na Europa com a esposa Lin.
Eu teclei:
-E aí, Nonão? Viu meu blog? Então, filhão, você não mandou nenhum comentário. Eu queria umas sugestões...etc -eu, todo empolgado, esperava um elogio, ou coisa assim. Sabe, essas coisas de ego...
-Vi. Já abri aqui. Já disse que achei legal!
-Sei, filho, mas ...
E eu ia brincar um pouco. Dizendo que o blog do papai ele era legal mesmo, estava dentro da lei, da moralidade e dos bons costumes. Pois eu disse bem. Eu disse, eu ia brincar...). Desisti e continuei:
-...e o Carnaval? Vai pular aí?(E comecei a imaginar....na Europa o Carnaval é diferente... muito frio, neve, o povo mais fechado, meio esquisito, outra cultura, deve ser igual ao carnaval daqui, da terra do E.T.) Fui interrompido em minhas divagações pelo Nonão:
-Vou pulá-lo! Quarta-feira a gente volta pro Brasil.


Pois o Carnaval começa daqui a alguns minutos, no calendário. Para todo mundo. Já começou há alguns dias em várias cidades e vai continuar após a quarta-feira de cinzas em outras. Aqui em Varginha é a mesma coisa (ou deveria ser...)
Ontem eu falei aqui da falta de entusiasmo do Carnaval na terra do ET.
Vejamos: por que quase todas as cidades se esforçam em promover o Carnaval? 
Poderíamos criar uma tese e oferecer para algum doutorando da área de Humanidades. Mas ficamos apenas em 3 idéias para sugerir as premissas: 
A primeira delas, porque faz parte da cultura brasileira, naturalmente.É algo dinâmico, reúne pessoas,  envolve emoção. É algo vivo que se desenvolve (ou perece, também). Como o brasileiro é festeiro por natureza, sangue latino, vive em clima tropical, etc... tende a desenvolver essa coisa de pular carnaval!
Segunda idéia, o evento do carnaval em si faz movimentar a economia, gera impostos. E todos ganham com ele. 
Terceira e basta!: O Carnaval, essa festa pagã -chamem-no como quiserem, faz bem pra cuca! Nesses dias de festa, de desopilação e relaxamento, fazemos uma troca de matriz mental. Passamos de uma loucura para outra, por 4 dias, alternando os estados do nosso programa mestre, do sistema operacional, incluindo  ainda um refresh da memória e um update do software em uso. 
Quando voltamos na quarta-feira está tudo mais leve, suave. O jugo do dever, do ter-de-ir-trabalhar fica mais suportável, pois o efeito anestésico só vai se desfazendo aos poucos, lentamente...
Resumidamente, eis as razões que levam os responsáveis pela organização do calendário de festas de qualquer cidade a prestigiar o reinado de Momo. Assim, todo ano partem, para tentar organizar um Carnaval cada vez mais vivo, vibrante, envolvendo a população, o comércio, os eleitores... 
E olha que não estou falando incluir o Carnaval num calendário turístico, pois  não é preciso ter vocação turística para organizar ou pular Carnaval, Isso é coisa de pele. Tá no sangue, tá na veia. Depois de entendido esse preâmbulo, passa a ser coisa de bom senso de quem governa cuidar melhor dele...
Carnaval é mais do que festa popular! É Cultura. Se bem cuidado cria uma identidade do lugar. Qualquer cidade média ou grande sente orgulho de ter seu Carnaval, investe nos blocos e escolas, cria estratégias para o comércio e hotéis, faz propaganda, coloca na TV, independente de como está o caixa ou a crise. Porque Carnaval é INVESTIMENTO! As pequenas cidades também, dentro do seu orçamento chegam a fazer mais bonito ainda. Parece mágica!

Voltando à nossa conversa pelo MSN:
-Entendi tudo, Nonão. Você me deu uma grande idéia pro blog! -Saí do MSN e logo terminava meu horário. Na saída, da rádio passei pelo Centro da cidade, desci a Major Venâncio. Sexta-feira, véspera do reinado de Momo. Tudo normal como qualquer sexta-feira...
-Nonão! - pensei com meus botões: Não falo mais de Carnaval! Nesses quatro dias buscarei outros enfoques, outras paragens. Vou fazer como você:
Vou pulá-lo!...

(Nonão, é o apelido carinhoso do meu filho mais velho, Zanoni Dias, brinca muito pouco, é tipo caladão. às fala menos do quedevia, e é preciso estar antenado para entender o que ele quer realmente dizer. Confirmando o ditado popular: Pra bom entendedor, meia-pa-la-bá!)
>>> 'Té +! Bom encontro é de dois. Volto amanhã, ou depois! - Profex
0004-Trocando em miúdos - Vou pulá-lo...

Formulário de Contato - Expresse sua opinião. Retornarei!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Veja as Postagens Populares do blog

Aguardo você por lá!...

Informação Importante

Este blog - O Blog de Poesias do Profex - anexa ou linka textos da internet preocupando-se em dar o devido crédito a eles e sua origem. As imagens, na sua maioria são do banco de dados do Google, conforme indico junto às postagens. Quem se sentir lesado por uma exibição indevida, por favor entre em contato para que eu possa atribuir os respectivos créditos; ou ainda, se for o caso, retirar das páginas a postagem ou imagem em questão.

Espero portanto que se um leitor tiver a pretensão de usar uma matéria (ou parte dela), um poema (ou um excerto dele), faça da mesma forma, dando o devido crédito junto à elas, sob pena de se fazer valer a Lei de Direitos Autorais.


E-mail: professorexpedito.radialista@hotmail.com
Some images used on the BLOG DO PROFEX are taken from the web via Google Images, if by chance you find any here who is registered and of his own, let me know that I will be happy to credit! Thank you!

.verificar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...