Poesias, Varginha-Terra do ET, BRICS, Dicas, Frases e Reflexões...

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Meus Poemas - Ponto de Fuga


Ao longe, um pouco acima do meio da paisagem
uma convergência atrai minha atenção.
Este ponto, sem mesmo eu querer,
orienta cada ação ou propósito
que ensejo nesta tresloucada vida
como que demarcando minha sina.
Um arrepio, uma pequena advertência,
uma aragem sempre me avisa
se por acaso, ou se decido seguir outra meta
e sair da programação.

Ao longo das avenidas, distraído, não sei de nada;
Só desta distância consigo enxergar
as falsas retas e as curvas enganosas, 
as fantasias, os desacertos e os excessos.
Uma  nova linha converge agora
para o ponto centra da paisagem:  
ouso incluir no script uma idéia revolucionária!
Relâmpagos e trovões surgem no horizonte.
e uma linha imaginária me adverte do perigo.

Aprendi com o tempo a lição,
é assim que acontece:
Com cuidado e bom senso eu consigo
a curva que retorna, a reta perfeita. 
De outra forma, se tento extrapolar, sair, 
atravessar os limites predefinidos, 
percebo que a estética se desequilibra, 
as linhas se curvam e o caos se estabelece:
O significado então se esconde, 
e tudo se  torna obscuro e sem sentido...
É preciso leveza e cautela,
-mais ainda: fibra e sabedoria!...-
para compor com brilho, em parte e no todo,
as nuances e os detalhes dessa aquarela.
Com eles, a paisagem ganha textura e beleza.
Para ter então mais sabor e arte,
acrescento uma lua, algumas estrelas...

Aprendo de vez a pertinente lição
que comigo já trazia de cor:
Só é possível prever um futuro
...se não sairmos dos trilhos!

É preciso leveza e cautela,
-mais ainda: fibra e sabedoria!...
Por isso vivo como um monge,
embora mantenha meu empenho.
Afasto-me silenciosamente
para ver cada linha do desenho, 
bem aqui, ao longe,
da janela dessa  torre de vigia!

Autor: Expedito Gonçalves Dias
(Escrito em Lambari-MG, em 12-06-1989, 21h)
0031-Meus Poemas - Ponto de Fuga - (crédito da imagem: http://belvedere.bruno.zip.net/arch2007-12-16_2007-12-22.html)

Nenhum comentário:

Formulário de Contato - Expresse sua opinião. Retornarei!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Veja as Postagens Populares do blog

Aguardo você por lá!...

Informação Importante

Este blog - O Blog de Poesias do Profex - anexa ou linka textos da internet preocupando-se em dar o devido crédito a eles e sua origem. As imagens, na sua maioria são do banco de dados do Google, conforme indico junto às postagens. Quem se sentir lesado por uma exibição indevida, por favor entre em contato para que eu possa atribuir os respectivos créditos; ou ainda, se for o caso, retirar das páginas a postagem ou imagem em questão.

Espero portanto que se um leitor tiver a pretensão de usar uma matéria (ou parte dela), um poema (ou um excerto dele), faça da mesma forma, dando o devido crédito junto à elas, sob pena de se fazer valer a Lei de Direitos Autorais.


E-mail: professorexpedito.radialista@hotmail.com
Some images used on the BLOG DO PROFEX are taken from the web via Google Images, if by chance you find any here who is registered and of his own, let me know that I will be happy to credit! Thank you!

.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...